Federação Portuguesa de Xadrez

NOTÍCIAS

A.XAT reconquista título de semi-rápidas
18/07/2021

Justificando o favoritismo atribuído à partida, dada a fortíssima formação apresentada, a A.XAT Montemor-o-Novo sagrou-se campeã nacional coletiva de semi-rápidas, depois de dominar o campeonato, que decorreu na Marinha Grande, nas instalações do Sport Operário Marinhense.

A A.XAT recuperou assim um título que tinha conquistado em 2018, perdendo-o no ano seguinte para o GD Dias Ferreira. No ano passado o campeão foi a formação dos Estrelas de S. João de Brito.

Participaram no Campeonato Nacional de Semi-rápidas da época de 2020/2021 31 equipas e esta competição, também designada “Memorial José Vereda”, levou ao Sport Operário Marinhense conjuntos de enorme valia. Desde logo a número 1 à partida, a A.XAT fez-se representar por uma equipa com os grandes mestres espanhóis Jaime Latasa, Manuel Perez Candelário e José Fernando Cuenca, o mestre internacional Paulo Dias, os mestres FIDE José Francisco Veiga e os mestres nacionais Miguel Silva e Afonso Rodrigues. Na maior parte dos encontros jogaram Latasa, Candelário, Veiga e Cuenca e a equipa chegou à sexta de sete rondas já campeã, correspondentes a 20 pontos, tendo cedido um empate na sétima jornada, frente à Escola de Xadrez do Porto.

Perez Candelário e José Cuenca ganharam as seis partidas efetuadas, Latasa, no primeiro tabuleiro, obteve quatro vitórias e dois empates e os demais jogadores contribuíram de forma a garantir um título sem dissabores.

O pódio ficou completo com as equipas que já tinham o mesmo número de ordem à partida. O Estrelas de S. João de Brito foi segundo, com 18 pontos (cinco vitórias, um empate e uma derrota), apresentando uma equipa forte, composta por Li Peng (MI, Ucrânia), Vladislav Larkin (MI, Ucrânia), Ruben Pereira (MI, Portugal), André Fidalgo (MN, Portugal) e Luís Ferreira (MN, Portugal).

Na terceira posição, com 17 pontos, ficou a equipa dos Ferroviários do Barreiro, com 17 pontos (cinco vitórias e duas derrotas), que se fez representar por Rui Dâmaso (MI, Portugal), José Sande Edreira (MF, Espanha), Gonçalo Silva, Hugo Ferreira e Artur Guia.

Classificação final:

1.º A.XAT Montemor-o-Novo, 20 pontos

2.º Estrelas S. João de Brito, 18

3.º Ferroviários do Barreiro, 17

4.º Escola de Xadrez do Porto, 17

5.º Académica de Coimbra, 16

6.º GX Alekhine, 16

7.º AX Gaia, 16

8.º O Amanhã da Criança, 16

9.º EP Gaia-Clube de Xadrez, 16

10.º CX Téssera, 15.

Resultados e classificações completas em: https://chess-results.com/tnr561136.aspx?lan=1

VOLTAR PARTILHAR NO FACEBOOK
  • HOME
  • INSTITUCIONAL
  • NACIONAL
  • INTERNACIONAL
  • COMUNICAÇÃO
  • FORMAÇÃO
SIGA A FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE XADREZ NAS REDES SOCIAIS
expand_less

Este site usa cookies, para guardar informação de forma segura no seu computador.

Estes cookies destinam-se a optimizar a sua experiência de navegação neste site.

ACEITO COOKIES Saiba mais acerca dos cookies